PVQL – Programa de valorização da qualidade do leite

Definição do PVQL – Programa de valorização da qualidade do leite

O programa de pagamento do leite da Laticínios Santa Mônica Ltda tem como objetivo valorizar o empenho do produtor que adota medidas para reduzir a contaminação do leite através das Boas Práticas de Produção e de Ordenha. O produtor será estimulado a entregar um leite à Empresa com composição elevada de sólidos, avaliados pelos teores de gordura e proteína e baixas contagens de células somáticas e de bactérias, agregando valor ao seu produto.

Objetivos

  • Valorizar o produto.
  • Bonificar todos produtores que atingirem os padrões de qualidade.
  • Bonificar por volume e qualidade.
  • Estar de acordo com a IN 62.
  • Maior rendimento nos produtos
  • Redução de custos – mastite, etc.


Vantagens para Indústria

  • Aumento segurança alimentar.
  • Redução de perdas
  • Aumento da vida de prateleira dos lácteos.
  • Redução de custos.
  • Produção de lácteos de maior valor agregado.
  • Ganhos de rendimento


Vantagens para o produtor

  • Valorização do produto.
  • Aumento do preço conforme a qualidade.
  • Redução de custos com tratamentos.
  • Redução de perda, pelo descarte de leite e animais.
  • Aumento da produtividade.
  • Atendimento das Normas e Legislação.
  • Possibilidade de maior lucratividade.


Parâmetros de formação de preços da Laticínios Santa Mônica Ltda

  • Preço base
  • Adicional de mercado
  • Adicional por volume
  • Gordura
  • Proteína
  • CCS – Contagem de Células Somáticas
  • CBT – Contagem Bacteriana Total


Preço base

Refere-se ao preço mínimo, igualmente fixado para todas as regiões onde a Empresa compra leite. Trata-se de um valor a partir do qual serão agregados os adicionais e/ou redutores.


Adicional de mercado

É o parâmetro que pode variar de acordo com a região, unidade, microrregião, levando-se em conta,  localização da propriedade em relação à fábrica para a qual o leite se destina ou questão relacionadas a concorrência.


Adicional por volume

Tem como objetivo estimular o aumento “vertical” da produção (viabilizando o aumento da densidade de coleta em litros por quilômetro rodado). O produtor percebe ganhos progressivos com o aumento da produção.  Ele aumenta linearmente com o aumento da produção de cada produtor.


Gordura

Tem como objetivo estimular a produção  de sólidos  leite, melhorando a competitividade em toda a cadeia láctea.  Varia conforme a raça, alimentação, estágio da lactação, período do ano, etc. Através das médias dos  resultados das análises, poderá somar, diminuir ou manter o preço.


Proteína

Grande importância na fabricação de queijos e rendimento, faz parte dos sólidos do leite. Pode variar em função da raça, estágio da lactação, alimentação, etc. Através das médias dos  resultados das análises, poderá somar, diminuir ou manter o preço.


Segue abaixo as planilhas base para pagamento por qualidade: